Fisioterapeuta Intensivista

3 minutos para ler

Compreenda a função fundamental deste profissional no combate à pandemia

A Fisioterapia Intensiva é uma especialidade reconhecida pelo Conselho Federal de Fisioterapia e Terapia Ocupacional (Coffito). É uma atividade ligada a pacientes em estado crítico – é o fisioterapeuta intensivista quem realiza a manutenção da assistência ventilatória, a reintegração funcional, além de intervenções terapêuticas em pessoas que estão com diversas disfunções de sistemas orgânicos em Unidades de Terapia Intensiva (UTI).

Neste sentido o fisioterapeuta intensivista desempenha um importante papel no combate às pandemias, como esta da COVID-19, pois possui a função de contribuir e diminuir os sintomas ocasionados pela doença.

O presidente da Faculdade Inspirar e doutor em Medicina Física, Dr. Esperidião Elias Aquim, explica que “o fisioterapeuta intensivista atua em várias áreas, que vão desde a participação na equipe multidisciplinar prestando assistência ao paciente grave, até condutas de terapia para remoção de secreção brônquica e melhora da função respiratória”. Neste sentido, são fundamentais na recuperação e tratamento de pacientes com síndrome respiratória aguda.

No caso específico da COVID-19, é o fisioterapeuta intensivista quem faz o gerenciamento da ventilação mecânica, invasiva e não invasiva. Além de outros aspectos como: avaliação e realização da titulação de oxigênio, rápida saída do paciente do ventilador mecânico, prevenção de complicações pulmonares por meio de manobras e técnicas específicas, e aplicação de manobras motoras com o intuito de reduzir incidências de agravos relacionados à permanência na UTI.

A expectativa é que o Brasil gere um crescimento de 20% no número de leitos de UTI. E após o surto do coronavírus estes leitos permanecerão abertos. E, se o país já tinha a necessidade de profissionais especializados em Terapia Intensiva, certamente essa demanda será ainda maior. “Essa nova realidade vai exigir cada vez mais profissionais altamente preparados e com experiência na área”, explica Dr. Esperidião.

A Faculdade Inspirar, que nasceu da especialização em fisioterapia cardiorrespiratória, já formou mais de 800 profissionais intensivistas nesses 23 anos de história. “Quando passamos por situações assim, de pandemia, é que reforçamos ainda mais a importância do ensino de qualidade, de sermos referência na área, pois muitos dos profissionais que estão atuando em todo Brasil hoje são nossos alunos, ex-alunos e professores”, salienta o presidente do Grupo Inspirar.

Posts relacionados

Um comentário em “Fisioterapeuta Intensivista

Deixe um comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.