Coluna Vertebral

3 minutos para ler

Confira quais são as principais patologias que acometem a coluna

Atualmente, mais de 80% da população brasileira em idade adulta sofre com algum tipo de patologia na coluna. As patologias da coluna, além de causar dor, prejudicam as atividades diárias e a qualidade de vida dos pacientes. Dores e desconforto podem indicar patologias graves, acarretando em problemas na saúde e na locomoção.

Abaulamento Discal

É resultado da degeneração dos discos intervertebrais da coluna. Pode ser causado por vários motivos, entre eles o processo natural de envelhecimento. Essa degeneração causa fissuras em seu anel fibroso (o anel que circunda o disco), não conseguindo impedir que o núcleo pulposo escape para fora do espaço intervertebral, gerando um abaulamento que pode ser doloroso.

Hérnia de Disco

Quando o disco está intacto, ele tem a capacidade de absorver a carga imposta e movimentar-se em todos os eixos de rotação. O abaulamento discal é considerado o início da patologia, pois o disco intervertebral apresenta sintomas de envelhecimento e o anel fibroso exibe fissuras que levam o arco do disco intervertebral a uma forma de arco. A protusão discal é o agravamento do abaulamento, atingindo nervos, medula e saco dural. A fase marca também o início da degeneração e da dor discogênica. O sequestro ou fragmento é a etapa mais rara da patologia e consiste na ruptura total da parte herniada do disco intervertebral.

Escoliose

A doença tem influência genética, podendo estar presente em mais de um membro da mesma família. A patologia não tem nenhuma ligação direta com má postura ou carregamento de peso. A escoliose costuma surgir no período da adolescência, mas pode aparecer durante outras épocas da vida.

Lombalgia

A lombalgia pode causar dores, desconfortos e queimações, além de acarretar na possibilidade de impedimento da movimentação do paciente.

Dor Ciática

A dor é passada para as pernas, causando perda de força, sensibilidade e reflexos na área afetada pela raiz nervosa comprometida. De acordo com o nível da hérnia, a dor é irradiada para um local específico do membro.

Estenose do Canal

Os ligamentos da coluna vertebral e as vértebras formam um estojo ósseo que protege a medula espinhal e os nervos responsáveis pelos movimentos dos músculos e pela sensibilidade. A estenose é a diminuição da área de tráfego desse tecido.

Espondilolistese

Espondilolistese é o escorregamento de uma vértebra sobre a adjacente, causando o deterioramento dos componentes da coluna e uma fratura óssea. A degeneração e a subluxação articulares, e instabilidade segmentar que causa o aumento da tensão nas cápsulas articulares, ligamentos e músculos que estabilizam a coluna lombar, gera dores nas costas.

É possível prevenir doenças da coluna vertebral ao praticar exercícios físicos regularmente, sob orientação profissional, e ao adotar a boa postura sentado, deitado ou em movimento. Medidas protetoras da coluna como manter os músculos abdominais sempre fortes e evitar levantar pesos de forma incorreta também são importantes para manter a saúde da coluna.

Diversos problemas de coluna podem ser tratados sem cirurgia, com fisioterapia, quiropraxia ou osteopatia. A indicação do tratamento depende de cada caso. Uma avaliação com um bom profissional é de extrema importância!

Posts relacionados