Farmácia: profissão, carreira e mercado de trabalho

2 minutos para ler

A Carreira em Farmácia

A profissão de farmacêutico é regulamentada no Brasil. Além de possuir diploma de bacharel em Farmácia, o profissional que deseja seguir esta carreira deve obter um registro no Conselho Regional de Farmácia (CRF) de seu estado.

O farmacêutico é capaz de produzir medicamentos e cosméticos em qualquer escala. Pode trabalhar em farmácias e drogarias como o responsável técnico ou atuar na fiscalização sanitária, combatendo a fabricação de remédios falsificados, por exemplo.

Outras atividades que um farmacêutico pode desempenhar são as seguintes:

  • Preparar medicamentos personalizados.
  • Identificar as reações que determinadas substâncias exercem em nosso organismo.
  • Formular cosméticos e produtos de higiene.
  • Analisar a composição e controlar a qualidade de alimentos industrializados.
  • Examinar e testar novos componentes e princípios ativos.

De acordo com Conselho Federal de Farmácia, existem mais de 70 áreas de atuação para um farmacêutico. Conheça algumas:

  • Acupuntura
  • Auditoria Farmacêutica
  • Banco de Sangue
  • Banco de Órgãos
  • Controle de Pragas Urbanas
  • Farmácia Veterinária
  • Fitoterapia
  • Gerenciamento de Resíduos dos Serviços de Saúde
  • Parasitologia Clínica
  • Toxicologia Forense

Perfil do profissional formado em Farmácia

Um bom profissional da área de Farmácia deve ser humanista. As atividades desenvolvidas por este profissional geram impacto direto na saúde das pessoas, portanto, o farmacêutico deve ser ético e ter senso de responsabilidade.

Outra característica desejável para este profissional é estar sempre atualizado sobre novos produtos e tecnologias aplicadas à Farmácia.

Mercado de trabalho para quem faz Farmácia

É previsto em lei que farmácias e drogarias devem ter farmacêuticos em seu quadro de funcionários. Além destes estabelecimentos, o profissional formado em Farmácia encontra oportunidades de emprego em:

  • Hospitais públicos e privados
  • Indústrias de medicamentos, cosméticos ou alimentos
  • Laboratórios de análises clínicas
  • Institutos de pesquisa
  • Vigilância Sanitária
  • Saúde Pública

Profissionais formados em Farmácia encontram um mercado de trabalho bastante aquecido e alta empregabilidade. Dados do Instituto de Pesquisa Econômica e Aplicada (Ipea) revelam que 94,3% dos farmacêuticos do país estão empregados.

Fonte: Guia da Carreira

Posts relacionados