Descubra o poder do Do-In

Equilíbrio e bem-estar através da antiga arte da autocura

Essa prática baseia-se nos princípios da medicina tradicional chinesa e utiliza a pressão dos dedos, a massagem e a manipulação dos pontos de acupuntura para estimular o fluxo de energia vital, também conhecida como “Qi”, ao longo dos meridianos do corpo.

Do-In significa “caminho da energia” ou “movimento do Qi”, e reflete a essência dessa técnica, que tem como objetivo principal promover o equilíbrio e a circulação harmoniosa do Qi no organismo, restabelecendo a saúde e prevenindo doenças.

Acredita-se que quando o Qi flui livremente e sem obstruções pelos meridianos, o corpo e a mente se encontram em um estado de bem-estar e vitalidade.

A prática do Do-In envolve a aplicação de pressão nos pontos de acupuntura ao longo dos meridianos, que são canais energéticos que se conectam com os órgãos e sistemas do corpo. Essa pressão pode ser feita com os dedos, polegares, palmas das mãos ou outros instrumentos adequados, como bastões de madeira ou pedras lisas.
Além da pressão nos pontos de acupuntura, o Do-In inclui também técnicas de alongamento, exercícios de respiração e automassagem. Esses movimentos têm o propósito de estimular a circulação do Qi, desbloquear os meridianos e relaxar o corpo e a mente.

O Do-In traz diversos benefícios para a saúde. Ele ajuda a aliviar o estresse, reduzir a tensão muscular, melhorar a circulação sanguínea e fortalecer o sistema imunológico. Além disso, o Do-In pode ajudar no alívio de dores e desconfortos, melhorar a qualidade do sono, promover a clareza mental e estimular a capacidade de concentração.

Uma das vantagens do Do-In é que ele pode ser praticado por qualquer pessoa. “É indicado para todas as pessoas, independentemente de sua idade ou condição física. As restrições são estabelecidas apenas para crianças menores de dois anos e gestantes após três meses, somente com autorização do obstetra. Todos os atendimentos, sem exceção, são feitos através da anamnese em patologias crônicas, sempre com autorização médica”, afirma a coordenadora do curso, Prof. Dra. Teresa Lopes.

No entanto, é importante ressaltar que o Do-In não substitui o tratamento médico convencional. Ele pode ser utilizado como uma prática complementar para promover o autocuidado e o bem-estar, mas em casos de doenças ou condições médicas graves, é fundamental buscar orientação e acompanhamento profissional. “A técnica é indispensável para ajudar em todos os tratamentos clínicos como Nutrologia, Cardiologia, Pediátrica, Psicologia, Ortopedia, Fisioterapia, entre todas as outras Terapias Integrativas”, diz Teresa.

Com a prática regular, é possível alcançar benefícios significativos e desfrutar de uma vida mais harmoniosa e saudável. “O método não pode ser praticado de forma autônoma. É essencial e necessário que o profissional tenha sua formação como Terapia dos Meridianos com Ênfase em Do-In para praticar essa técnica”, conclui Teresa.

Veja Mais

QUESTIONAMOS O CONHECIDO

Acreditamos que a aprendizagem pode ser diferente, pode ser melhor. É isso que nos impulsiona a quebrar barreiras e oferecer uma experiência de aprendizagem única.

Aqui, provocamos o potencial das pessoas para elas se prepararem para conquistar o novo, transformar o desconhecido em conhecimento e estimular a construção de um mundo melhor.

Afinal, é isso que nos faz ser uma Faculdade à frente do nosso tempo.

Quer mais informações?

0800 602 2828