Doenças Cardíacas

Enfermeiros na linha de frente com o cuidado, prevenção e educação

As doenças cardíacas continuam sendo uma das principais causas de morte em todo o mundo, e no Brasil não é diferente. Segundo o Ministério da Saúde (MS), a cada ano cerca de 300 mil pessoas sofrem Infarto Agudo do Miocárdio (IAM), e em 30% desses casos ocorre óbito. Nesse cenário desafiador, os enfermeiros assumem um papel crucial no combate a essas doenças, oferecendo suporte, cuidado direto aos pacientes e desempenhando um papel essencial na educação e promoção da saúde.

Com seus conhecimentos especializados e habilidades clínicas, esses profissionais estão na linha de frente na luta contra as doenças cardiovasculares, melhorando a qualidade de vida dos pacientes. Entenda como a enfermagem atua neste combate.

Cuidados preventivos:

Os enfermeiros desempenham um papel fundamental na prevenção das doenças cardiovasculares, trabalhando em conjunto com outros profissionais de saúde na identificação de fatores de risco, como hipertensão, diabetes, obesidade e colesterol elevado, e atuando na implementação de estratégias de prevenção. Isso inclui o aconselhamento sobre mudanças no estilo de vida, dieta saudável, exercícios físicos regulares, fim do tabagismo e gerenciamento do estresse.

Triagem e identificação de fatores de risco:

A equipe de enfermagem é responsável por realizar a triagem e os testes para identificar precocemente possíveis problemas cardíacos, permitindo intervenções rápidas, encaminhamento para profissionais especializados e programas de prevenção específicos. “A avaliação inicial feita pelo enfermeiro inclui exame físico direcionado para a queixa, sinais e sintomas percebidos, que são componentes essenciais para a detecção de alterações cardíacas e para a classificação de risco e gravidade do paciente”, enfatiza Michel Marcos Dalmedico, enfermeiro especialista em Terapia Intensiva e Cardiologia e professor da Pós-graduação em Enfermagem em Terapia Intensiva da Faculdade Inspirar.

Assistência direta ao paciente:

Os profissionais de enfermagem desempenham uma função essencial no cuidado direto aos pacientes com doenças cardiovasculares, monitorando os sinais vitais, como pressão arterial e frequência cardíaca, e avaliando os sintomas para detectar mudanças no estado de saúde dos pacientes.

Intervenções em situações de emergência:

Em situações de emergência cardiovascular, os enfermeiros atuam na estabilização dos pacientes, reconhecendo sinais de ataques cardíacos e acidentes vasculares cerebrais, e tomando medidas imediatas para garantir a sobrevivência do paciente. “Pela elevada possibilidade de situações graves e potencialmente fatais, o enfermeiro é investido de autonomia para determinar a realização de eletrocardiograma (conforme protocolos institucionais), prescrever oxigenoterapia, realizar ausculta cardíaca e pulmonar e classificar o grau de gravidade do paciente”, ressalta Michel.

Além da administração de medicamentos, ele pode realizar manobras de ressuscitação cardiopulmonar (RCP), coordenar o atendimento em equipe e encaminhar para tratamento especializado garantindo uma resposta rápida.

Educação e promoção da saúde:

Vale reforçar que os enfermeiros exercem um papel importante na educação e promoção da saúde relacionadas às doenças cardiovasculares. Eles fornecem informações claras e acessíveis sobre os fatores de risco, os sinais de alerta e as medidas preventivas, tanto para indivíduos saudáveis quanto para aqueles que já possuem alguma condição cardiovascular.

Esses profissionais também auxiliam na elaboração de planos de cuidados individualizados, incentivando os pacientes a adotarem um estilo de vida saudável e a seguir o tratamento prescrito. “O enfermeiro representa um elo de ligação entre equipe e paciente, além de ser responsável pela educação em saúde do paciente, que visa a adequação dos hábitos de vida e a utilização correta de medicamentos”, conclui Michel.

A educação dos pacientes também inclui ensinar a importância do cumprimento de um plano de tratamento médico, explicando o propósito dos medicamentos prescritos, suas doses, possíveis efeitos colaterais e técnica de administração adequada.

Com seu compromisso com o bem-estar dos pacientes e sua expertise clínica, os enfermeiros são verdadeiros heróis na luta contra as doenças cardíacas, melhorando a qualidade de vida e salvando vidas.

 

Veja Mais

QUESTIONAMOS O CONHECIDO

Acreditamos que a aprendizagem pode ser diferente, pode ser melhor. É isso que nos impulsiona a quebrar barreiras e oferecer uma experiência de aprendizagem única.

Aqui, provocamos o potencial das pessoas para elas se prepararem para conquistar o novo, transformar o desconhecido em conhecimento e estimular a construção de um mundo melhor.

Afinal, é isso que nos faz ser uma Faculdade à frente do nosso tempo.

Quer mais informações?

0800 602 2828