Tecnologia e Gerenciamento de Segurança do Paciente na Enfermagem

A tecnologia desempenha um papel cada vez mais importante no campo da enfermagem, especialmente no que diz respeito ao gerenciamento de segurança do paciente. Por meio do uso de sistemas e dispositivos avançados, os profissionais de enfermagem podem garantir um cuidado mais eficiente, preciso e seguro para seus pacientes.

Através da tecnologia ocorre a sistematização dos processos, o que consequentemente proporciona a redução de riscos aos pacientes. “Com toda padronização inserida, a enfermagem ao administrar um medicamento, por exemplo, tem a possibilidade de “bipar” o código do medicamento com o código do paciente, isso propicia maior segurança, garantindo que serão administrados corretamente os medicamentos prescritos “, esclarece a professora da Pós-graduação de Enfermagem em Centro Cirúrgico e Material Esterilizado da Faculdade Inspirar, Mariana Reis.

No decorrer deste texto, exploraremos algumas das principais tecnologias e práticas de gerenciamento de segurança do paciente na enfermagem.

  1. Registros Eletrônicos de Saúde (RES): Os registros eletrônicos de saúde substituíram gradualmente os tradicionais registros em papel, proporcionando uma maneira mais eficiente e precisa de documentação das informações do paciente. O sistema permite que os profissionais de enfermagem acessem rapidamente o histórico médico do paciente, o qual inclui informações sobre alergias, medicamentos prescritos, resultados de exames e demais questões relevantes. A inserção do RES evita erros de medicação e melhora a comunicação entre a equipe de saúde.
  2. Medicação Eletrônica: Os sistemas de medicação eletrônica ajudam a reduzir imprecisões na dosagem, fornecendo alertas e verificando automaticamente a compatibilidade dos medicamentos. Além disso, registram eletronicamente a administração dos remédios, criando um rastro de auditoria e facilitando a reconciliação medicamentosa.
  3. Identificação por Radiofrequência (RFID): Essa tecnologia tem sido aplicada para melhorar a segurança do paciente, garantindo a administração correta de medicamentos e a identificação precisa durante procedimentos. Também é utilizada no rastreamento e monitoramento dos equipamentos e suprimentos médicos, permitindo um gerenciamento eficiente da localização rápida de dispositivos em caso de emergência.
  4. Sistemas de Alerta: Os alarmes de monitoramento contínuo podem avisar os enfermeiros sobre mudanças nos sinais vitais, como frequência cardíaca anormal ou baixa saturação de oxigênio, notificando os profissionais sobre interações medicamentosas potencialmente perigosas.
  5. Simulação e Treinamento Virtual: A tecnologia também tem sido amplamente utilizada na educação e treinamento de enfermeiros. A simulação e o treinamento virtual permitem que os profissionais pratiquem procedimentos complexos e simulem situações clínicas realistas sem riscos para os pacientes. Isso aprimora habilidades clínicas, proporciona tomada de decisões rápidas e aumenta a confiança em situações reais.

Vale ressaltar que a tecnologia é um grande auxílio na assistência ao paciente e serve como uma aliada ao trabalho dos enfermeiros, mas não substitui a função da equipe de enfermagem. “A enfermagem tem papel primordial na segurança do paciente, visto que está presente nas 24 horas do cuidado, sendo um elo essencial entre todos os profissionais, o paciente e seu acompanhante”, ressalta Mariana.

Dessa forma, a tecnologia apoia o gerenciamento de segurança do paciente, pois, com o uso adequado de sistemas e dispositivos avançados, os enfermeiros podem melhorar a precisão, eficiência e qualidade do cuidado prestado.

“Entre os benefícios do uso da tecnologia, destaca-se o acesso da equipe – em qualquer internamento do paciente – às informações sobre tratamento, riscos, alergias, cirurgias, entre outros. Além de maior integração entre os plantões, com registros precisos e em tempo real”, finaliza Mariana.

No entanto, os profissionais de enfermagem devem estar devidamente treinados para utilizar essas ferramentas e interpretar corretamente as informações que elas fornecem. Além disso, é importante que os sistemas de gerenciamento de saúde sejam protegidos contra violações de segurança ou vazamento de informações confidenciais do paciente.

 

Veja Mais

QUESTIONAMOS O CONHECIDO

Acreditamos que a aprendizagem pode ser diferente, pode ser melhor. É isso que nos impulsiona a quebrar barreiras e oferecer uma experiência de aprendizagem única.

Aqui, provocamos o potencial das pessoas para elas se prepararem para conquistar o novo, transformar o desconhecido em conhecimento e estimular a construção de um mundo melhor.

Afinal, é isso que nos faz ser uma Faculdade à frente do nosso tempo.

Quer mais informações?

0800 602 2828